⇒  See the language on the left-hand flag ⇐

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

ONLINE
1






Dia 17 de Agosto

Dia 17 de Agosto

Gostaria que você soubesse – e prestasse especial atenção – ao fato de que fui aos Judeus na Palestina setenta anos antes de Jerusalém ter sido arrasada. Fui aos Judeus para dizer que o código de conduta que seguiam não teria nenhum valor quando os tempos difíceis do futuro chegassem e os conduzissem a um mundo hostil. Está registrado em um evangelho que eu chorei de desespero, lamentando o fato de que poderia ter reunido as pessoas, tal como uma galinha reúne os seus pintinhos sob suas asas, para protegê-las, quando chegasse o tempo da destruição, mas as pessoas não me ouviram. Em vez disto, seus líderes religiosos preferiram a minha morte.

E depois da dispersão dos Judeus, quando o Templo foi tirado deles, aprenderam algo com essa experiência? Perguntaram-se por que tal catástrofe os tinha apanhado desprevenidos? Não. Continuaram com suas velhas tradições e com a crença em sua superioridade, ainda que repetidas vezes os fatos históricos mostrassem que eles estavam tão sujeitos a desastres quanto os demais. Neste momento presente, escolhem ainda ignorar as VERDADES da EXISTÊNCIA que ensinei na Palestina e fazem recair sobre si as mesmas condições que existiram durante minha vida terrena naquela região.

Aonde quer que eles vivam, seus valores materialistas e suas tradições de uma cabeça-por-um-olho1, estão atraindo para si o sofrimento humano que criaram para outros através dos tempos, por sua arrogância e cobiça. Todo o sofrimento que tiveram, foi provocado por eles mesmos.

Isto também se aplica àqueles que, por conveniência, aliaram-se aos Judeus devido ao seu poder nas esferas financeiras e nos mercados mundiais. Quem é que mantém faminta a grande maioria da população mundial – quando haveria tanta comida armazenada para alimentá-la adequadamente, se fosse abandonado o “lucro como o motivo para a existência”? Se tivessem vontade, os líderes financeiros poderiam criar e colocar em ação, planos para distribuir aos necessitados o excedente de mercadorias. Se o fizessem, encontrariam o universo inteiro respondendo com bênçãos, a economia mundial floresceria e a paz se estabeleceria mundialmente.

Porém, antes que isso possa acontecer aquilo que já tiver sido criado na consciência pelos comportamentos agressivos e degradados NO MUNDO INTEIRO deverá se materializar na experiência humana, – não como castigo, mas como consequência natural das LEIS da EXISTÊNCIA.

Esteja certo de que os países que lutam contra “a maldade” de outros estão simplesmente sofrendo as consequências de suas próprias “sementes de consciência e comportamento” de anos passados. Portanto, as táticas de “garoto-valentão”, o ataque feroz dos poderosos sobre os fracos – não importando o nível em que o fraco possa parecer intransigente, somente acarretará maiores problemas para os poderosos. Aquilo que sentem como uma provocação de outros e a devastação que estão descarregando em resposta estão armazenando na consciência como a sua própria devastação futura. Talvez devessem considerar a “provocação” dos fracos como um alerta para a sua própria queda em direção à decadência moral.

Como estas pessoas estão constantemente violando as LEIS da EXISTÊNCIA, atraindo a destruição com uma intensidade incomparável sobre as cidades e sobre a Terra, minha intenção nesta Carta é não apenas resumir tudo o que ensinei e vivi na Palestina, mas também explicar claramente as causas que darão origem à crise mundial que se aproxima, da qual não tratei da última vez em que vim falar à humanidade.

Estas CARTAS foram escritas antes da época mais crucial de sua história e agora, que as provas estão prestes a cair verdadeiramente sobre o mundo, você se perguntará por que não os avisei mais cedo.

No entanto, tenho tentado alertar o mundo através de mentes receptivas nos últimos vinte e cinco anos – mas nem os meios de comunicação, nem as editoras, nem a televisão, dispuseram-se a conceder-me a oportunidade de falar através de meus representantes.

Os políticos puderam chegar até você, mas Eu, o Cristo, não pude. O motivo disso? Os corações endurecidos e a recusa em aceitar que Eu, o Cristo vivo, poderia voltar neste momento através das mentes preparadas e dispostas a avisar as nações sobre o que estavam criando para elas mesmas no futuro.

As igrejas, que afirmam crer em minha existência, estiveram obcecadas com suas próprias tradições religiosas humanamente concebidas, assim como os materialistas. Agora que soa a vigésima terceira hora, quando o medo toma conta das multidões e elas estão dispostas a levar em conta as minhas palavras, as portas devem se abrir sem reservas, ou de novo meus esforços pela humanidade terão sido em vão.

Voltei para dizer que realmente haverá uma separação entre as “cabras” e as “ovelhas”, como é narrado nos evangelhos da Bíblia. As “ovelhas” se referem àquelas almas que possam receber pacificamente a verdade espiritual mais elevada que já é derramada sobre a Terra. As “cabras” referem-se àquelas que não têm a capacidade de escutar nada, nem ninguém, porque seus espíritos são demasiadamente rebeldes e egocêntricos.

Por que serão separados agora? Porque aqueles que forem capazes de receber a verdade que estas páginas contêm e de viver segundo as orientações que vem das LEIS da EXISTÊNCIA verão que, ainda que o próximo período da história mundial seja de fato amargo, eles continuarão em relativa paz e proteção, na satisfação das necessidades e na elevação do espírito. As “cabras”, lamentavelmente, terão que suportar toda a força horrível de sua inata consciência rebelde.

********

NotaSe quiser baixar todas as cartas para ler no Word clique aqui

Se preferir pdf, clique aqui

Se desejar comprar o livro impresso, clique aqui

 

Meditação em Áudio

 

“Eu realmente só amo a Deus, na proporção em que amo a pessoa que menos amo” (Dorothy Day) 

Pr Aram Borges 

Sou natural de Goiânia, Go. Moro em SP desde 1983. Formei-me em teologia em Belém do Pará, e depois faculdade de teologia e psicologia em SP.  Pastorei em vários lugares do Brasil: Pará, São Paulo, Brasília, Goiânia, Palmas e São Pulo Novamente.  Sou um buscador contumaz da verdade, nunca me conformei com nada menos que a verdade. Depois de tantos anos pertencendo ao sistema religioso, observando a vida e a mensagem de todos os que, também, fazem parte  do mesmo sistema, tanto leigos quanto clérigo; sempre percebi  que a verdade pregada e vivida era sempre relativa, e não transforma de fato, a ninguém. O novo nascimento que se prega, não é verdadeiro; é um equívoco enorme. Praticamente ninguém nasce de novo, talvez um em um milhão, (não estou julgado), mas foi o que eu sempre vi e vejo. Você não? Seja sincero!  As coisas velhas nunca mudam, pois não há nova criatura. Veja neste site o que penso hoje. Continuo buscado, a jornada é longa e o caminho é infinito. Devemos ser sempre buscadores. Mas para trilhar um caminho é preciso dar o primeiro passo. Só depois de 40 anos tentado enveredar-me por esse infinito caminho da jornada eterna, eu pude dar o  primeiro passo. Quando buscamos a verdade com empenho e vamos descobrindo aos poucos, sofremos muitos impactos. Crenças e paradigmas precisão ser quebrados. E isso custa muito caro para nós. Dogmas e crenças arraigados provocam profundo sofrimento no processo emocional. Por isso a maioria prefere se apegar em suas crenças antigas, sem nunca examiná-las em profundidade, do que ter que romper com elas. Quase sempre essas crenças e dogmas são passados  de geração para geração de milênio a milênio e são aceitos sem questionamento. Jesus disse: Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará. De que verdade Jesus está falando, você já pensou nisso?  Essa verdade da qual Cristo fala é a verdade pura e cristalina, sem a manipulação do homem. Onde se pode consegui-la? Essa verdade não é encontrada em livros, sejam eles quais forem, nem em dogmas e crenças humanas. Ela só pode ser encontrada no íntimo de cada de nós. Esse íntimo é um lugar sagrado, onde só você e Deus acessam. Ninguém pode manipular ou deturpá-la, por isso a verdade emana  de uma forma plena e confiável.

*************

NOSSOS ARTIGOS

 Leia as Cartas de Cristo

Iluminação, Comunhão e Unidade

◊ Seu cérebro tem um botão “delete” capaz de apagar memórias e pensamentos indesejáveis e aqui está como usá-lo >>>Baixar

“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará"

  Jesus Fala do Reino de Deus no Átomo - Física Quântica

 O Processo de Criação da Matéria

 Separação e Integração

◊  A Resposta do Mundo Para nós é o Resultado de Nossa Reação a Ela

◊  O Relacionamento é Um Mistério

◊   Sobre site O eu no Caminho Infinito – NA PRÁTICA

◊  Vigilância eterna é preço da liberdade

◊  Deixe a verdade ser revelada do interior

◊  Cura e Ensino Andam de Mãos Dadas

◊  Todo problema Tem uma Resposta Específica

◊  Deus fala através da consciência individual

◊  Liberdade Espiritual

◊  Atingir o estado de: Deus é tudo

◊  Verdade Específica é Universalmente Verdadeira

◊  Cumprimento – Realização

◊  Cura Sem Argumento Mental

◊  Dissolução do Sentido Material Destrói Suas Formas

◊  Erro é o sentido Material Aparecendo Como Forma

◊  Atingindo Sucesso na Cura Espiritual

◊  A Crença em Dois Poderes é o Único Mal

◊  O Essencial é o Contato Com Deus

◊  Uma maior atividade do Caminho Infinito

◊  Outros Artigos do Mesmo Autor

 ◊  A Realização de Deus Dissolve o Sentido Material